sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

onde tudo começa

um terço do que o meu mundo produz vai pro espaço!

um dezessete avos de meu consumo exige respeito!

três oitavos de algo define outra coisa..


isso para terminar o ano, velho.

para começar, o novo,
perdi as contas anotadas, anedotadas, em algum papel de parede.

Fortaleza, 19.12.8.
Rodolfo Silva

Nenhum comentário: