segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

Diário de Campo 14

-naveloveravivaunivoracidade
city
cité
CIDADE
1963
augusto de campos


como sabes, cara leitora virtual
se bem que não sabes de tudo mesmo.


dois objetos de estudo:
Arte como Ação Cultural, na Vila das Artes
Semiótica, na UECE.


na última aula de Teorias Semióticas, manuseamos poemóbiles de augusto de campos e julio plaza. em minhas mãos, tive o vermelho REVER. fiz uma análise peirceana.
uma coisa traz a outra, ligada a outra, relacionada a outra..
.
para o próximo encontro devo escolher um signo para interpretá-lo, em quali-signo/ícone, sin-signo/índice e legi-signo/símbolo.


dúvida semiótica:
estou pensando em duas possibilidades.
o primeiro poema é CIDADE, de augusto de campo.
o segundo seria o poema que desenhei (?) a partir da experiência na praça: esquinas, semáforos, faixas, calçadas..

Nenhum comentário: