quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

às vezes me dá taquicardia

é
às vezes me dá taquicardia
-
nome certo:
fibrilação atrial
--
o que sinto e vejo:
meu peito saltitante
--
-
escrevo.


"Escrevo como escrevo sem saber como e porque – é por fatalidade de voz. O meu timbre sou eu. Escrever é uma indignação. É assim: Será que estou me traindo? Será que estou desviando o curso de um rio? Tenho que ter confiança nesse rio abundante... Há tantos anos me perdi de vista que hesito em procurar me encontrar. Estou com medo de começar. Existir me dá às vezes tal taquicardia. Eu tenho tanto medo de ser eu. Sou tão perigoso que me deram um nome e me alienaram de mim."

Clarice Lispector
Um sopro de vida


Fortaleza, 18.2.9.
Rodolfo Silva

Nenhum comentário: